segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

SEU RUFINO - UM LUGAR CHAMADO RONCADOR

.

video


seu rufino
(eudes fraga / marcos quinan)


quando o ser nasceu
macuco pousou na copa
e o ar silenciou
quando o ser nasceu
o grito que ele deu
pela boca de um passante
foi rufo de um rufino
lambendo a escondição
o verbo irreverente
gemendo um apagão
no céu o preto se pôs
de susto, invocação
tremeu o mato verde
pulou os rios do chão
e o ato virou fato
amarrado fora das mãos
e o canto desse jitinho
acochou a imensidão
a história de macunaima
resvalou sem atenção
quando o ser nasceu
macuco pousou na copa
e o ar silenciou
quando o ser nasceu
cortou o mapa da raça
plantando uma nova nação
nas raízes de roraima
nos gritos de um pregão
o rufo de seu rufino
ressoou pelo desvão
trincou os ferros armados
da altura caiu cordão
o rufo de seu rufino
estalou feito carvão
lançou língua, mão de laço
reformou toda a ação
o rufo de seu rufino
fez brilho de zelação
remunhou pelos caminhos
colhendo outras canções


.


paulo façanha – voz
eudes fraga - coro
fernando merlino – piano elétrico
pantico rocha – bateria e percussão
marcelo mariano – baixo
reno saraiva - acordeom

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário