quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

MACAPÁ


Luthier Hugo Martinez no Sesc Centro nesta sexta


Nesta sexta-feira, 12, o Sesc apresentará Hugo Martinez (escultor de som) no Sesc Centro, a partir das 19h.

A proposta é fazer a apresentação de Martinez, um dos mais conhecidos artesãos de violão do país, para a sociedade, músicos, intelectuais, artistas e imprensa, já que a partir de 2009 o Sesc irá montar a Escola Lutheriana do Amapá.

A técnica luthieria é a arte artesanal e de fabricar instrumentos musicais de madeira como violão, violino, cavaquinho, bandolim, entre outros. O trabalho vai desde a construção à acústica dos instrumentos.

Preocupado com o futuro dos luthieres, Martinez quer despertar nas pessoas o mundo mágico dessa arte, repassando as técnicas e conhecimentos de seu trabalho. Os alunos aprendem noções de marcenaria, história da luteria, antes de chegarem a fabricar violões.

O luthier Hugo Martinez já trabalhou em outros estados brasileiros e até fora do País. Recentemente, ele abriu uma escola de luteria em Santarém, oeste do Pará. Músicos renomados têm seus instrumentos confeccionados por ele: Sebastião Tapajós, Carlinhos Vergueiro, José Xavier de Menezes (Zé Menezes).

HUGO MARTINEZ FABREU, tem 59 anos e mais de 40 dedicados a música e a fabricação de instrumentos musicais, sempre teve um sonho: construir de forma artesanal uma série de instrumentos de corda, utilizando apenas madeiras genuinamente brasileiras. Sonhando ainda mais alto, Hugo imaginou para esses instrumentos, estéticas sonoridades perfeitas, a ponto de serem reconhecidos em países como a Áustria, a Alemanha e a Rússia, berços da música clássica.

De seis meses para cá, o desejo do luthier vem ficando cada vez mais próximo da realidade. Em parceria com a Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, o uruguaio de coração brasileiro - ele mora em Pedra de Guaratiba há 18 anos - está estudando madeiras como o ipê, cedro, imbuia e outras, ainda desconhecidas, para a construção dos violões, bandolins e cavaquinhos ideais.

(Juliana Coutinho - SESC/AP)

3 comentários:

  1. olá, conheci seu blog através do sodré. adicionei seu link no meu blog. só por curiosidade, o que significa "abaribó"? thau
    katy http://pensamentosehistorias.zip.net

    ResponderExcluir
  2. Katyane,

    Leia a primeira postagem que vai descobrir.

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Alexandre Pinheiro9 de novembro de 2010 14:19

    Conheci essa cabra pelos idos de 80 cá pelo Rio, em diversos dos festivais que faturou. Grande como a Amazônia, caudaloso como o Amazonas, Rico como a floresta. Nilson é só isso tudo! Grande artista, sem dúvida!

    ResponderExcluir